Reportagem especial: Valores dos Ovos de Páscoa e Peixes, em Macaúbas, durante a Semana Santa; Receita deliciosa para quem ainda vai cear com a família

Chegou o período da Páscoa e com ele as famosas compras de ovos de chocolate e peixes. Apesar do sentido real do momento, para os Cristãos, não ser relacionado a esses dois itens, eles ganham destaque e muitas pessoas não deixam de adquirir-lós nesses dias.

A Rádio Macaúbas FM pesquisou, juntamente com comerciantes e consumidores do município, sobre os dois produtos. Além disso, um ouvinte enviou para a emissora receita para todos saborearem esse momento da melhor forma possível.

Ovos de Páscoa

Primeiramente em relação ao chocolate. Os ovos de Páscoa são os mais queridos, entre as pessoas, no quesito presentes. Quem não quer  ganhar um? Pois bem, mas devido ao período ser tão comum, em alguns lugares o preço fica mais amargo que a própria guloseima.

Analisando a tabela enviada para a redação da Rádio, pelo empresário Adelvando, que é também dono de uma franquia especializada em chocolate com loja em Macaúbas/BA, verifica-se que há muitas opções de presentes, mas com um valor muito alto. Essa condição é fruto de vários fatores.

Para o jovem empresário, essa época representa um grande incremento nas vendas.

Estamos em uma época de campanha, que representa para a gente em torno de 40% do faturamento do ano.

Adelvando lembra que para isso acontecer, tem toda uma tradição que faz o chocolate ser tão querido.

Chocolate é uma coisa que agrada todo o mundo, tem um história que diz ‘de 10 pessoas, 9 com certeza falam que gostam de chocolate e tem 1 que não fala, mas essa 1 está mentindo’.

O empresário ainda afirma que hoje falta chocolate em muitos locais, devido a procura e também o custo.

Hoje está faltando chocolate em todos os supermercados, muita gente não pediu, mais em função do preço que subiu muito. A matéria-prima principal (papelão e plástico) para embalar os produtos, não está tendo e aumentou demais, as empresas estão tendo dificuldade com relação a isso.

Na tabela de preços enviada por ele, destacam-se o ‘Ovo Dreams’. O Mil-Folhas Avelã de 400g, por exemplo, custa R$ 84,90 cada. Mesmo valor para o Brownie 400g; Brigadeiro 400g e o Banaffee 400g.

Para quem quer presentear a pessoa que tanto ama com o Ovo Dreams Belga 400g, o valor já chega a quase R$ 95 reais.

Se o consumidor for querer um produto menor, têm várias opções também, mas que acaba não sendo tão vantajosas, pelo custo-tamanho.

Nesta mesma loja, o Ovo laCreme Zero Lactose 180g está custando R$ 52,90 e o Mezzo 260g custa R$ 58,90 cada.

Já para quem adquirir um produto maior, tamanho família, tem a opção do Ovo CS Sortido de 2 kilos, por R$ 329,90 cada ou o de 700g por R$ 109,90.

Uma outra vendedora de chocolates, Marta Gabriela, disse que as vendas neste ano foram melhores que os demais.

Este ano às vendas foram bem melhores que os anos anteriores. A minha mãe teve a ideia esse ano de inovar, criando o kit de Páscoa, onde ela confecciona os coelhinhos, sacolinhas de coelho. Todo trabalho que a gente faz aqui é em filtro. E esse kit acompanha o chocolate.

Para o ouvinte José, que comprou um desses kits com Gabriela, foi uma inovação.

Fui comprar o ovo de chocolate para presentear uma pessoa e percebi que tinham objetos além do ovo e por um valor até acessível. Então comprei um por R$ 20,00 e veio dentro de uma sacolinha, feita de forma artesanal com um design muito legal de coelhinha. A pessoa que recebeu, amou.

Apesar de fazer todos esses modelos de forma que atraí bem o cliente, Gabriela reforça a necessidade das pessoas entenderem o real sentido da Páscoa.

Não ensine somente nossas crianças que Páscoa é só chocolate, presente… Fala a elas sobre o verdadeiro sentido, que é a ressurreição do nosso Senhor Jesus Cristo.

Ela também relata a importância de adquirir o produto de forma artesanal.

Procure sempre pessoas que fazem artesanal: um amigo, um vizinho, compadre, uma comadre… Ajude um pequeno empreendedor a crescer seu negócio.

Outra microempreendedora que contou sua experiência em vendas de ovos de Páscoa foi Ana. Ela, que vende os produtos com design diferenciado, também destacou o alto custo.

O chocolate e o leite condensado estão tudo caro. Mas mesmo assim não abaixo a cabeça e sigo trabalhando.

Ela conta que devido a crise, não viu outra saída, senão usar a oportunidade com o talento.

Nós, seres humanos, precisamos sempre tentar.

Peixes

Já falando em relação ao outro produto tão consumido durante a Páscoa, não muito como presente, mas dentro do almoço e da janta de muitas pessoas, o peixe pode ser encontrado em Macaúbas, em diversos locais.

Para Helena Santana, que vende peixes com seu esposo, o preço do pescado subiu, chegando a Semana Santa.

Nós vendíamos a R$ 20,00, antes de chegar a Semana Santa já aumentou, já foi para R$ 25,00. Por causa que a carne está um pouco cara, as coisas tudo subiu, aumentou tudo.

Ela diz que a procura por peixe cresceu neste período.

Antes da Semana Santa já estava uma procura, agora ainda mais. Ficou tanta encomenda de peixe, pessoal encomendando.

Helena ainda completa que não conseguiu atender a todas encomendas, visto que ficou difícil para pescar neste momento. Ela fala que existe até uma pequena lenda, na qual na Semana Santa não se pesca.

De ontem para hoje não pegamos nenhum, uns falam que é por causa da Semana Santa, que não pega. Armava a rede e não pegava nada.

A vendedora informa que seu produto é natural do Rio Paramirim.

Quando fala que é peixe do rio aqui, todo mundo quer, já peixes de ‘criamo’, muitas pessoas não querem mais, querem é o do rio, por que o gosto é outro, é uma coisa natural.

Entre as espécies de peixes mais procurados, Helena destaca o ‘Curimba’.

É o peixe mais procurado.

Já em relação ao custo, a pescadora diz que o que mais gasta é em relação a logística, para fazer as entregas.

Só mesmo a gasolina, quando vai entregar o peixe, tem pessoas que vem buscar na casa, já as pessoas de mais longe a gente leva.

Outro vendedor de peixe que falou com a Redação da Macaúbas FM foi Elías. Ele vende há 8 anos o pescado, na Feira Municipal de Macaúbas.

Morador do município macaubense, ele diz que recebe os peixes vindos de Ibotirama/BA.

Tem um distribuidor que já entrega aqui para nós de Macaúbas.

Sobre os valores, Elías destaca que há uma grande diferença entre o peixe normal e aquele que o cliente já quer sem espinha.

Os valores são R$ 25,00 o kilo, mas se for sem espinha custa R$ 35,00.

Apesar da grande procura, ele garante que vende pelo mesmo valor há cerca de 1 ano e meio.

Pegando do mesmo preço e vendendo pelo mesmo preço que vendia há 1 ano e meio atrás.

Ele também destaca a grande procura por peixes durante a Semana Santa.

As vendas sempre muito boas. Nesse período da Páscoa aumenta 10 vezes mais, aí a partir da segunda-feira seguinte, as vendas diminuem para 10% do que vendeu agora.

Receita

Ainda falando em peixes, o ouvinte Luíz enviou para a Rádio Macaúbas FM uma receita muito especial, que ele faz e quer ensinar a todos ouvintes da emissora.

Peixe ao molho

Ingredientes

1 cebola
2 dentes de alho
2 tomates
1 pimentão
1 leite de Coco
Cheiro Verde a gosto
3 Batatinhas
3 ovos

Modo de fazer

Prepare o peixe, com corante e limão. Em uma panela, coloque azeite, em seguida coloque o alho e deixe dourar. Em seguida, acrescenta a cebola e o pimentão, quando estiver bem dourados coloque o leite de coco e deixe ferver. Depois, acrescenta o peixe e coloque um pouco de água.

Quando o peixe tiver quase cozinhando, acrescente as batatinhas e os ovos, já cozidos, e deixe por uns 10 minutos.

Por fim, acrescenta o cheiro verde e bom apetite para quem gosta.

A Rádio Macaúbas FM agradece a todos que se dispuseram a ajudar a equipe fazer essa reportagem e deseja uma excelente Páscoa a todos ouvintes e familiares.

Por: João de Jesus / Fotos: WhatsApp/MacaúbasFM

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on print
Share on email