Morre o ator Tarcísio Meira, aos 85 anos, em decorrência da Covid-19

O ator Tarcísio Meira, de 85 anos, teve a morte confirmada nesta quinta-feira (12), após seis dias de internação no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, em decorrência da Covid-19.

A informação foi confirmada pelo assistente pessoal do casa, Tadeu Lima, ao site da revista Quem. 

O veterano deu entrada na unidade com um quadro mais delicado que o de Glória Menezes, que também faz tratamento no mesmo hospital. 

Tarcísio, que estava na UTI do Albert Einstein, foi intubado e fazia tratamento com a diálise contínua, um procedimento que tem como objetivo filtrar as toxinas presentes no sangue por meio de uma máquina.

O ator havia sido vacinado com as duas doses da vacina contra a Covid-19 em março deste ano, na cidade de Porto Feliz, no interior de São Paulo, e segundo a nora do artista, Mocita Fagundes, que é casada com Tarcísio Filho, o casal foi infectado por um descuido). 

É necessário lembrar que nenhuma vacina oferece proteção de 100% contra doenças, mas todas reduzem o risco de infecção, hospitalização e morte.

VIDA & CARREIRA

Tarcísio Meira é considerado como um dos grandes atores da dramaturgia brasileira. O artista, que começou a carreira no final dos anos 50 no teatro, com as peças ‘Chá e Simpatia’ e ‘Quando As Paredes Falam, fez a transição para a TV em 1959, com uma estreia na TV Tupi, com o teleteatro ‘Noites Brancas’.

Foi na TV que o artista conheceu o grande amor de sua vida, Glória Menezes, em 1961, com a novela ‘Um Pires Camargo’, os dois se casaram em 1962 e dois anos depois tiveram o único herdeiro, Tarcísio Filho.

O veterano teve passagens pela Excelsior, antes de chegar a Globo em 1967 com a novela Sangue e Areia.

Tarcísio tem entre as suas obras os grandes sucessos da TV Globo: Irmãos Coragem (1970), Cavalo de Aço (1973), ‘O Semideus (1973), Guerra dos Sexos (1983), O Tempo e o Vento (1985), Desejo (1990), Rei do Gado (1996), Torre de Babel (1998), Hilda Furacão (1998), A Muralha (2000), O Beijo do Vampiro (2002), Senhora do Destino (2004), Páginas da Vida (2006), A Favorita (2008), A Lei do Amor (2016) e Orgulho e Paixão (2018).

Em 2020 a Globo encerrou o contrato de exclusividade que tinha de 53 anos com Tarcísio e Glória. 

 

Fonte: Bahia Notícias 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on print
Share on email