Macaúbas: Moradora da Comunidade de Sarafina reclama da demora na instalação da energia elétrica, em sua residência

Após solicitação ao Jornalismo da Macaúbas FM, a Secretaria de Meio Ambiente já fez a autorização para supressão de árvores no local, entenda o caso!

Maria Aparecida, da Comunidade de Sarafina, Zona Rural de Macaúbas/BA entrou em contato com a equipe de Jornalismo da Macaúbas FM, para falar sobre a falta de instalação da energia elétrica na sua localidade, em 3 casas. Segundo ela, foi feito o pedido há mais de 10 anos.

De acordo com a ouvinte, há 3 anos atrás foi colocado os tornos, mas a instalação ainda não foi feita. Ela afirma que ao entrar em contato com a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (COELBA) era dito que necessitava de uma autorização do setor de meio ambiente.

Maria diz que foi até a Secretaria, em Macaúbas, há 1 ano atrás. Ela recebeu alguns documentos, que foram entregues na credenciada da Coelba. Em questão de 1 mês foi feita a análise, mas mesmo assim a instalação seguiu sem ser feita, devido ainda, segundo ela, constar pendência na questão ambiental.

A moradora segue desesperada e não sabia mais onde procurar uma solução para esse caso.

Após a solicitação, por parte da ouvinte, a equipe de Jornalismo da Macaúbas FM entrou em contato com o Secretário Municipal de Meio Ambiente de Macaúbas, senhor Uirlei Borges.

Prontamente ele respondeu ao questionamento. Segundo o Gestor da pasta, eles não tinham conhecimento de nenhum requerimento recente desse tipo de extensão de rede.

Para Uirlei, normalmente quem faz esse processo é a própria COELBA, “que se dirige à Secretaria com o projeto técnico e aí a gente faz a autorização, dada os benefícios sociais que trará para as famílias”, completou ele.

Mesmo assim, o secretário afirmou que só precisava da localização exata da residência, para saber, através das coordenadas, se encontra dentro do município de Macaúbas ou não. Isso, devido a região de Sarafina ser um local próximo da divisa com o município de Boquira/BA.

Dessa forma, Uirlei avisou que a requerente poderia ir até à Secretaria, solicitar o que a COELBA deseja. Para isso, a moradora precisava levar algum documento que comprovasse o problema ambiental.

Ao comunicar para Maria, logo após alguns dias, ela foi até a sede da Secretaria. Depois disso, a ouvinte entrou em contato mais uma vez com a emissora, enviando a foto de um documento, relacionado a autorização para supressão de árvore.

Nesse papel, assinado por pessoas do setor, o Município de Macaúbas, segue algumas normas especificadas na autorização (veja a foto abaixo). Nele, concede “autorização ambiental a senhora Maria Aparecida Marques de Sousa Fortunato, para fazer a supressão de um pé de baraúna ‘Schinopsis brasiliensis’ e um pé de aroeira, em sua propriedade”, diz a nota.

Tal designação acontece devido as árvores estarem em um local que dificulta a instalação de energia elétrica na residência.

Porém, para realizar tal supressão, a solicitante plantará quatro mudas de outras árvores nativas, em sua propriedade. Isso deverá ocorrer, como forma de compensação ambiental.

Confira o documento na íntegra:

Por: João de Jesus / Foto: Divulgação

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on print
Share on email