Irmão de Zezé Di Camargo e Luciano pode deixar de usar cadeira de rodas

O cantor Wellington Camargo, irmão de Zezé Di Camargo e Luciano, pode deixar de usar cadeira de rosas nas próximas etapas de sua recuperação após uma cirurgia para corrigir a escoliose.

O artista que ficou paraplégico após ser acometido por uma poliomielite aos 2 anos, tem planos de comprar um exoesqueleto, suporte para conseguir andar, após se recuperar do procedimento cirúrgico.

“O objetivo é tratar a dor na região lombar e a inclinação da bacia, além de restabelecer a adequação postural na cadeira de rodas”, disse à coluna de Leo Dias, do Metrópoles.

Não foi revelado o preço do aparelho, porém, na França, onde ele é usado por indivíduos em alguns hospitais, a peça custa cerca de 150 mil euros, aproximadamente R$ 903 mil.

Wellington teve uma vida difícil e passou por momentos traumáticos, como o sequestro em 1999, quando ele passou 94 dias preso em um cativeiro em Goiás.

O artista teve a orelha esquerda cortada pelos sequestradores, que pediam um valor pelo resgate. Após o ocorrido, o cantor ficou com trauma de circular pelas ruas e só sai acompanhado de segurança.

Fonte: Bahia Notícias 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on print
Share on email