Covid-19: 80% dos internados não se vacinaram ou não tomaram a segunda dose na Bahia

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) divulgou que 80% das pessoas internadas com a Covid-19 no estado não se vacinaram contra a doença, ou não tomaram a segunda dose. A situação preocupa principalmente nas regiões sul e extremo sul, onde a imunização é mais lenta. O técnico da coordenação de imunização da Sesab, Ramon Saavedra, pondera que o avanço devagar na vacinação nessas regiões pode estar ligado às chuvas que atingiram a Bahia no mês de dezembro. Na época, o governador Rui Costa chegou a falar que várias cidades tiveram perda de 100% das vacinas e medicamentos. “Estamos com um olhar muito cuidadoso com essas regiões, sul e extremo sul, por conta do desastre natural que aconteceu, e na verdade houve um comprometimento de infraestrutura tecnológica, de comunicação e de energia nesses municípios. O próprio equipamento da sala de vacina, a unidade de saúde, muitas delas ficaram sem acesso, a população não conseguia chegar”, destacou Ramon. Para ele, o caminho agora é buscar estratégias que façam a vacina chegar nas pessoas que ainda precisam completar o esquema de imunização. “À medida em que as vacinas chegam em solo baiano, elas são imediatamente distribuídas para os 417 municípios, então o que a gente precisa pensar é buscar estratégias alternativas de vacinação, para tentar identificar quem são esses faltosos, as pessoas que não estão buscando a vacina, e tentar chegar a eles, em vez de fazer com que o braço do usuário chegue à vacina, fazer a vacina chegar ao braço do usuário”.

Fonte: Achei Sudoeste

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on print
Share on email