Categorias
Geral

ENTREVISTA: Tenente Marques, da 4ª CIPM Macaúbas, explica operações de bloqueio, na área da Companhia. Confira

 

 

 

Nesta terça (25), por volta das 09h00min ocorreu mais uma operação de bloqueio, na Rua Doutor Vital Soares, Centro de Macaúbas. De acordo com o Tenente Marques, da @4cipm_macaubas, ações como essa acontece com intuito de prevenção e combate a criminalidade. Confira a entrevista, na íntegra:
Tenente Marques: Bom dia, o bloqueio que nós fazemos aqui consiste numa operação que é desenvolvida em todo o comando do Oeste aqui da Polícia Militar. Todas as cidades que envolvem o Oeste desempenham essa operação. E nessa operação, a principal missão é combater os crimes letais intencionais. Os CVLIs consistem em crimes contra a pessoa, que é homicídio. E também os CVPs, que são crimes contra o patrimônio, que consistem em roubo e furto. E essa operação acontece em pontos estratégicos da cidade, onde ocorre um fluxo maior de carros e moto. A gente sabe que o crime se transporta, ele se locomove pela cidade. Então, a gente sabe que o criminoso, ele precisa se locomover. E nós vamos justamente em pontos estratégicos da cidade, pra buscar e prevenir o crime antes que ele aconteça.
Repórter: Desde quando começou essa operação?
Tenente Marques: Na verdade, essa é uma operação que faz parte do nosso trabalho. É uma operação que corriqueiramente acontece, mas que agora nós estamos dando ênfase, por causa da pandemia (…) pessoas que possam vim a cometer furtos, motivadas por a questão talvez de emprego, enfim. E aí nós estamos dando uma intensificada, justamente pra combater esse tipo de de atuação delituosa aí.
Repórter: Basicamente tem duração de quantos minutos, horas e quantas vezes por dia ou semana?
Tenente Marques: Na verdade isso não é estabelecido previamente. Mas a gente sempre procura ali nos finais de semanas. É onde tem um fluxo maior de pessoas transitando pela cidade. A duração, ela vai depender, justamente se a gente conseguiu obter êxito naquilo que nós queremos e se a gente não conseguiu naquele ponto, a gente vai pra outro, outro ponto estratégico, até a gente obter êxito.
Repórter: E quais os principais resultados dessas operações?
Tenente Marques: Bem, a gente tem como resultado aí justamente a prevenção da prática do crime, o não acontecimento do crime, é o nosso maior resultado. Mas a gente também tem a questão da apreensão de veículos irregulares, notificações de trânsito, pessoas que estão conduzindo o veículo de maneira irregular, etc. Isso acaba sendo uma consequência dessa operação.
Repórter: Pra finalizar, eu queria que o Senhor PM Tenente Marques falasse para a população sobre essa conscientização.
Tenente Marques: Bem, primeiro é dizer que esse trabalho que nós desenvolvemos é justamente para a população. Nós trabalhamos para a população e a gente está desenvolvendo essas operações com mais intensidade, justamente para as pessoas que não tem nada a temer e as pessoas que não devem, digamos assim. E então a gente está intensificando justamente para combater o crime e que as pessoas continuem transitando com tranquilidade, dentro da nossa Macaúbas.

Reportagem: João de Jesus

Categorias
Geral

Lançamento público do Plano Municipal de Saneamento Básico de Macaúbas

 

Reportagem: João de Jesus

Categorias
Geral

Moradora do Sítio Lagoa de Jurema, município de Boquira, relata sofrimentos por faltar energia em sua residência

O Blog foi procurado por uma moradora do Sítio Lagoa de Jurema, município de Boquira, por conta da falta de energia elétrica na residência da leitora do portal. Segundo ela, já foi feita a medição, colocaram as marcações e até o momento não foi feita a instalação.
Ela diz que sofre, por ter que ficar no escuro a noite e não ter como carregar o celular ou usar outros eletrodomésticos.
A informante relatou que a Coelba, quando passou na casa dela, deixou dois códigos: X 0586075 / N• 9100347170.
A equipe de reportagem esteve em contato com a Coelba, que verificou a nota de obras: 9100347170 e a informação passada, por parte da empresa, é que “estamos aguardando a liberação de recursos”.
Além disso, foi gerada uma nova solicitação, de número: 700001840560 e o prazo de resposta é até o dia 02/06.
Segundo a Companhia, o posicionamento irá ser enviado via e-mail, até a data prevista.
Dessa forma, o portal agradece a resposta da Coelba, bem como a confiança da leitora e aguarda o desenrolar da situação.
Reportagem: João de Jesus
Categorias
Geral

Moradores da Comunidade de Soen relatam o sofrimento por viverem sem energia elétrica nas residências

Diversos moradores da Comunidade chamada Soen de Brejo João Ursino, município de Macaúbas-BA, procuram o Blog na esperança de tornar público a reclamação sobre a falta de energia no local. De acordo com os informantes, a equipe da Coelba (Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia) visitou a localidade em 28 de abril de 2016, dia este que deu início a revisão do projeto. Mas, até o presente momento, ainda não foi instalada a energia no lugar.
Na confirmação de visita inicial da empresa à localidade, o número do ‘expediente’ é 9100908180. Aparece também o nome do Povoado de Canabrava, que é uma Comunidade próxima do Soen.
Em Brejo João Ursino, que fica há 2 km de distância do Soen, já tem rede de energia. Isso deixa algumas pessoas do local se questionando, pois tão perto e até agora ainda não foi instalada.
Segundo Antônio Alves de Abreu, morador deste lugar, são 8 casas no total. Na maioria, os residentes buscam outros meios para não ficarem no escuro: “a gente usa aqui um lampião, (…) muito sofrido aqui, pois a energia passa tão perto”. Ele morava em Canatiba, porém, há 20 anos adquiriu uma propriedade em Soen.
De acordo com o informante, alguns populares têm placas solares, enquanto outros estão no escuro, aguardando a energia elétrica chegar.
Ainda segundo ele, muitas pessoas compraram terrenos no local, mas não construíram ainda por falta da iluminação.
A Coelba já inseriu as marcações, há 2 anos atrás, e fizeram uma projeção de 90 dias para finalização do serviço.
Soen que fica também perto de Desterro, no sentido Coqueiro.
Confira as fotos, enviadas por um residente da sede, que tem parentes na localidade:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nestes conteúdos digitais, é visível os locais onde foram inseridas as marcações para instalação dos postes, as confirmações de que as residências receberam a visita da equipe do Programa Luz Para Todos e os instrumentos usados por algumas pessoas para não ficarem no escuro, como o lampião.
A equipe de reportagem, mais uma vez, foi até a Coelba, para mais esclarecimentos sobre o caso. Segundo a atendente, projetos como esse devem ser acompanhados pelos cidadãos, através do número de telefone 116. Neste canal de atendimento, as pessoas informam os dados, bem como conversam diretamente com o setor responsável.
Além disso, ela enfatiza que o usuário deve ligar mais de uma vez, visto que muitas pessoas que atendem a ligação podem não encontrar nenhum projeto para o CPF informado. Então, o pedido da Coelba é buscar uma resposta pelo telefone, torcer e aguardar.
Como o local não tem energia elétrica, consequentemente também os moradores possuem dificuldades para usarem celular. Por isso, a pessoa pode pedir a algum conhecido, de um outro lugar, para ligar, informar os dados e tentar contato com a Coelba.
Quanto mais tentar, mais chances de ter o serviço recebido.
O espaço fica aberto para mais pessoas se posicionarem sobre o caso, bem como agradecemos a confiança dos moradores do Soen e desejamos boa sorte. Que numa próxima, a notícia seja da chegada da energia na região.
Reportagem: João de Jesus
Categorias
Geral

Jovem do Distrito do Açude se encontra desaparecido

Compareceu, na manhã desta terça (18), na Delegacia Territorial de Macaúbas-BA, um jovem relatando que seu irmão, João Luís Oliveira Araújo, de 24 anos, se encontra desaparecido. De acordo com o relato do informante para a nossa reportagem, o rapaz morava no Distrito do Açude e saiu de casa no turno matutino da última quinta (13).
Algumas pessoas dizem que já viram João, depois desse dia, próximo da Lagoa de Contendas. Quem a viu, informou que ele não queria voltar para casa.
Segundo o irmão do desaparecido, o jovem sofre com problemas mentais, há quase quatro meses, mas não tem nenhum histórico de brigas, pois sempre foi um rapaz tranquilo.
Ele saiu de sua residência com blusa branca, sandália nos pés, e short cinza/vermelho.
O informante não tem foto dele, por isso relatou as características do desaparecido: “tem barba, cabelo grande, ele é baixo, um pouco forte e de cor de pele branca”.
Ao sair, ele não levou nenhuma documentação, muito menos cartão de banco.
Quem for da região de Contendas, Veredinha, Boquira, entre outros locais próximos, e souber de alguma informação, pode ligar para a polícia (190).
Reportagem: João de Jesus
Categorias
Geral

Bahia: Rui Costa anuncia suspensão de transporte intermunicipal e proibição de festas no período junino

O governador Rui Costa anunciou nesta segunda-feira (17) que o transporte intermunicipal será suspenso pelo segundo ano consecutivo no período do São João a São Pedro, para evitar que as pessoas viajem nas datas festivas de junho. O anuncio foi feito em uma coletiva de imprensa, durante a entrega de uma contenção de encosta no bairro de Boa Vista do Lobato, em Salvador.

“O que nós vamos fazer novamente, e eu já posso anunciar desde já, é suspender o transporte intermunicipal no período do São João e do São Pedro, que será feito para evitar que as pessoas viagem. A gente não consegue impedir que todas as pessoas se desloquem, mas pelo menos a gente consegue diminuir a quantidade de pessoas que viajam, e isso nós vamos fazer, porque não é possível gerar aglomeração”, disse Rui.

O governador também adiantou que nenhuma festa junina será permitida na Bahia, independentemente do número de público. A medida foi tomada para frear o avanço da segunda onda da Covid-19 no estado.

“Nós não permitiremos qualquer festa de São João em nenhuma região, em nenhuma cidade, independentemente de público. Não será permitida nenhuma comemoração no São João. Nós temos que ter responsabilidade e eu chamo atenção das pessoas. Fazer festa, fazer aglomeração nesse momento é desrespeitar completamente a vida humana e aquelas famílias que estão com parentes internados ou perdendo parentes”.

Fonte: ( Boquira em Ação )

Categorias
Geral

Desenhista de Macaúbas promove o Projeto Ferarte, que irá ajudar jovens que sonham em ser artistas

O projeto Ferarte tem como organizador Cleyton, o popular Fera dos Desenhos. Com o lema, ‘mude o futuro de alguém’, o plano tem missão de prover materiais de desenhos para vários jovens de baixa renda, que possuem talento, mas que necessitam de apoio para construírem suas obras de artes. O pedido de seu mentor é que quem puder compartilhar ou contribuir com a ação, será de suma importância.
Ao perceber a necessidade de ajudar a juventude entrar ou se manter no mundo da arte, ‘o menino das telhas de areias’, como é conhecido Cleyton, preparou um projeto voltado a esse público. A sua vontade é de influenciar a sociedade em colaborar na especialização dos jovens de baixa renda, que sonham em se tornarem grandes artistas.
Devido não ter uma oficina de arte no município de Macaúbas e por saber que os trabalhos artísticos podem ser as únicas fontes de rendas para algumas famílias, o desenhista espera ser espelho para diversas pessoas:

“Meu objetivo é ajudar os jovens trilharem no caminho certo, tirando assim das ruas e mostrando para eles que temos algo melhor para lhes oferecer. Além disso, incentivar a sociedade a contribuir com essa cultura. Só desta maneira poderemos orientar os jovens que não tem renda a ter um futuro diferente”.

Para o escritor do livro ‘Tellas de Areia’, Macaúbas é rica em cultura, mas ela precisa ser valorizada e divulgada:

“Eu percebi que temos muitos talentos e poucos recursos para fazer investimento nesta área. Por isso, entendo que a sociedade, tanto do município de Macaúbas, como de outras regiões, pode contribuir para este projeto ser realizado”.

Dessa forma, Cleyton disponibiliza uma conta PIX, para quem poder doar e colaborar com essa ação social, em prol da cultura.

CHAVE PIX (79) 998667401

Por fim, o autor pede a atenção de toda região e sonha em poder ajudar os novos artistas:

“Gostaria muito de chamar atenção para meus conterrâneos, que visualizem esse projeto e contribuam com o mesmo, para que os jovens venham realizar seus sonhos. Assim, daremos um futuro melhor para os produtores de cultura deste segmento”.

Para mais informações, pode entrar em contato pelo Instagram: @cleytonoferadosdesenhos ou pelo número do celular: (77) 999152153.

Reportagem: João de Jesus 

Categorias
Geral

4ª CIPM apreendeu armas de fogo artesanal na Zona Rural de Boquira

De acordo com a @4cipm_macaubas, no começo do fim de semana, a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) realizou a apreensão de armas de fogo artesanal na Comunidade de Mandacarú, município de Boquira.
A Guarnição de serviço estava fazendo rondas naquele local, quando avistou uma movimentação estranha numa mata próxima a estrada.
Indo até o local, os PMs avistaram pessoas evadindo-se do lugar. Logo em seguida, a GU encontrou cinco espingardas de fabricação artesanal.
Todo o material foi encaminhado para apresentação na Delegacia Territorial de Boquira-BA, ficando assim a disposição da polícia judiciária.
Reportagem: João de Jesus
Categorias
Geral

4ª CIPM montou uma operação para impedir a realização de um evento futebolístico em Veredinha, município de Macaúbas

Na tarde deste domingo (16), a @4cipm_macaubas foi informada que iria ocorrer uma partida de futebol na Comunidade de Veredinha, município de Macaúbas-BA. O evento aconteceria com aglomeração de pessoas, bem como consumo de bebidas alcoólicas.
Dessa forma, em cumprimento ao Decreto Estadual, uma operação conjunta foi montada, com a ajuda de Guarnições Distritais, a fim de impedir que o jogo ocorresse.
Ao chegar no local, a PM finalizou a partida de futebol e orientou as pessoas sobre a necessidade do distanciamento social.
Reportagem: João de Jesus
Categorias
Geral

Homem que dormiu em um depósito, na Comunidade Pajeú de Botuporã, pode ter sido Seu Vavá, desaparecido há mais de três meses

Um homem foi visto na Comunidade do Pajeú de Botuporã, com aparência de Seu Vavá. Esta pessoa dormiu em um depósito e também já foi visto andando pela região. A família do idoso macaubense volta a ter esperança, visto que ele se encontra desaparecido desde o dia 06 de fevereiro.
Segundo uma informante, um senhor ficou por algumas horas em um depósito, que fica próximo da casa de uma mulher, no Povoado de Pajeú, município de Botuporã. O local é aberto, então ele chegou, entrou e dormiu encima de saco de semente de capim.
No dia seguinte, o homem pulou o muro e saiu. A pessoa que viu, só conseguiu informar que ele estava com chapéu de massa, calça social, camisa social e muito sujo.
A informante relata que só viu o senhor pelas costas, já que ele pulou muito rápido o muro.
Devido essa pista, a família de Seu Vavá já está buscando mais informações, porém até o momento nenhuma certeza de que foi ele e nem de onde ele se encontra.
Dessa forma, quem for de Botuporã, Caturama, Tanque Novo, Igaporã, entre outros municípios da região, os familiares pedem que se alguém vê, pode tirar uma foto, avisar a família e tentar mantê-lo por perto.
Os números para entrarem em contato com a família são: 077 999891980 ou 077 999871520.
Quem encontrar ele, será bem recompensado.
Confira a matéria, publicada pouco depois do desaparecimento
Reportagem: João de Jesus